Crédito a empresas e famílias cai quase 20 mil milhões desde pedido de resgate

Os empréstimos concedidos às empresas reduziram-se em 2012 em cerca de 8400 milhões de euros.

O crédito concedido pelos bancos às empresas e famílias caiu em quase 20 mil milhões de euros desde que Portugal pediu assistência financeira à troika em Abril de 2011, tendo a maioria da redução acontecido no crédito às empresas.

De acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira pelo Banco de Portugal, o valor do crédito em dívida pelas empresas e pelas famílias caiu 19.555 milhões de euros quando se comparam os valores registados em Abril de 2011 e os dados divulgados hoje, referentes ao final de Dezembro de 2012.

Só no segmento do crédito às empresas a redução foi de 11.582 milhões de euros, quase 60% da redução total registada neste período.

A redução até seria mais acentuada se fossem considerados os valores do final de maio de 2011, quando o saldo do crédito concedido às empresas se situava nos 117.251 milhões de euros.

O crédito às empresas tem registado quedas consistentes desde essa altura, reduzindo-se em 2012 em 8409 milhões de euros, e só no último mês do ano que terminou recentemente em 1193 milhões de euros.

A esta redução junta-se uma diminuição no crédito concedido às famílias entre Abril de 2011 e Dezembro de 2012 na ordem dos 7973 milhões de euros.

O malparado, ou crédito considerado de cobrança duvidosa, até se reduziu no final do ano passado no que diz respeito às empresas, com uma queda de 886 milhões de euros.

O valor do crédito considerado malparado vinha, no entanto, de uns históricos 10.837 milhões de euros, e de cinco meses acima dos 10 mil milhões de euros, um nível inédito desde que o Banco de Portugal recolhe estas estatísticas.

Fonte: Público

Comentários

comentários

2016-04-02T10:49:20+00:0014/02/2013|Categories: Geral|Comentários fechados em Crédito a empresas e famílias cai quase 20 mil milhões desde pedido de resgate
error: Segurança acima de tudo! ;)